O ministro da Defesa do Vietnã, Phung Quand Thanh, pediu que os Estados Unidos revogue o embargo à venda de armas letais ao país, que tenta aumentar sua capacidade militar.

Em uma coletiva de imprensa após reunião com o secretário de Defesa norte-americano, Ash Carter, Thanh disse que a patrulha marítima vietnamita precisa de apoio internacional.

Em outubro, os EUA revogaram parcialmente o embargo contra o país asiático, sem no entanto ter acontecido nenhuma compra relevante. Analistas acreditam que o impasse se deve a uma preocupação de Washington com o respeito aos direitos humanos na região.

"Nós agradecemos o apoio de países que queiram ajudar a construir nossa patrulha naval", disse Thanh, acrescentando que o respeito aos direitos humanos tem crescido em seu país.

Os EUA vem pedindo que o Vietnã, a China e outros países que disputam uma área conhecida como Mar do Sul da China que parem de construir recifes e instalações submarinas ao longo da cadeia de ilhas.

Segundo Thanh, o país tem tropas em nove ilhas e 12 instalações submarinas na região.

Durante a reunião ambas as partes assinaram um comunicado conjunto de defesa, que abre caminho para um acordo de cooperação militar mais amplo. Fonte: Dow Jones Newswires.