A passeata em comemoração ao Dia Internacional das Mulheres reuniu cerca de 3 mil pessoas na região central de São Paulo neste domingo, segundo a Polícia Militar. No ato, o grupo protestou contra o machismo e por mais direitos, como a legalização do aborto.

As manifestantes caminharam desde a Avenida Paulista, na altura do prédio da Gazeta, até a Praça Roosevelt, entre 10 horas e 15 horas. O ato teve a participação de diversas entidades feministas. O trânsito ficou bloqueado em trechos da Paulista até o começo da tarde. Não houve, de acordo com a PM, registro de ocorrências durante a caminhada.